Menu

Após assembleia, SINTPq protocola pauta de reivindicações da Fundepag

O SINTPq protocolou nesta semana a pauta de reivindicação dos trabalhadores da Fundepag. O documento apresentado à empresa foi deliberado pelos funcionários em assembleia no dia 29 de maio, realizada no auditório do Ital.

Nesta campanha salarial, os trabalhadores participaram ativamente da construção da pauta enviando sugestões por e-mail e também se manifestando durante a assembleia, que contou com expressiva presença. Na ocasião, foi deliberada a reivindicação por reajuste salarial correspondente ao IPCA do período, sendo acrescido 3% de aumento real.

Entre as outras demandas apresentadas pelos funcionários estão a implementação de auxílio alimentação no valor de R$ 180,00 mensais, ampliação da licença maternidade para 180 dias e da paternidade para 20 dias e conversão do auxílio refeição em ticket, permitindo assim que os profissionais almocem no local de sua preferência. Além disso, os empregados solicitaram que a idade máxima para acompanhamento de consulta médica de filhos seja ampliada para 18 anos e que dias com grandes manifestações e greves gerais não sejam descontados.

Confira a pauta na íntegra.

Durante a assembleia, os trabalhadores também levantaram dúvidas sobre a posição da empresa em relação às compensações do Banco de Horas. Informações conflitantes divulgadas pelas diretorias teriam gerado questionamentos e incertezas. O SINTPq abordará essa questão durante as negociações e cobrará uma resposta por parte da fundação.

Outro ponto tratado no encontro foi a importância da sindicalização. Em empresas com alto percentual de filiados, o Sindicato possui maior representatividade e consequente poder de negociação perante as chefias. Além disso, benefícios como apartamentos na praia, assessoria jurídica, convênios e devolução da contribuição sindical obrigatória são garantidos aos associados do SINTPq. Conheça as vantagens e torne-se sócio você também!

Assim que a direção da Fundepag apresentar sua contraproposta para as reivindicações dos funcionários, uma nova assembleia será convocada. Fique atento aos próximos comunicados e acompanhe o andamento das negociações. Somente com profissionais inteirados e engajados será possível obter uma campanha salarial vitoriosa.

voltar ao topo