Menu

CNPEM abre seus laboratórios para visitas e atividades no dia 1º de julho

O Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM) comemora os 30 anos do seu Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS) no dia 1º de julho com uma série de atrações para todas as idades. Os quatro Laboratórios Nacionais do Centro estarão de portas abertas e haverá também estações de atividades, exposições, palestras informais, food trucks e muito mais.

O evento será mais uma edição do “Ciência Aberta”, atividade gratuita promovida pelo CNPEM com o objetivo de divulgar sua atuação e levar a ciência e pesquisa para a sociedade de forma recreativa.

No ano passado, mais de 3.500 pessoas participaram do evento, que contou com visitas guiadas às instalações do LNLS, espaço dedicado à manipulação de microscópios, praça de alimentação, brinquedos para recreação infantil, além da presença do Caminhão Oficina Desafio, da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP).

Acompanhe o site do evento para ver as novidades.

Que tal aproveitar para conhecer um pouco mais do LNLS, laboratório que está comemorando 30 anos e será o tema do “Ciência Aberta” deste ano?

O Laboratório Nacional de Luz Síncrotron é responsável pela operação da única fonte de luz síncrotron da América Latina. O espaço possui hoje 17 estações experimentais, chamadas linhas de luz, que permitem a execução de experimentos em diversas técnicas de análise microscópica da matéria usando radiação infravermelha, ultravioleta e raios X.

Todos os anos, as instalações do LNLS beneficiam cerca de 1200 pesquisadores brasileiros e estrangeiros, comprometidos com mais de 400 estudos que resultam em aproximadamente 200 artigos publicados em periódicos científicos. O laboratório também desenvolve parcerias com a indústria nacional em pesquisa, desenvolvimento e inovação nas áreas de energia, produtos químicos, farmacêuticos e outros.

Conheça mais sobre o LNLS em sua página na internet e agende-se para visitar o laboratório no dia 1º de julho!

Foto e informações: Divulgação CNPEM

voltar ao topo