Menu

Amazul: SINTPq inicia campanha salarial 2019

Os trabalhadores e trabalhadoras da Amazul já podem enviar sugestões para a campanha salarial 2019. O objetivo do SINTPq é antecipar as negociações enquanto o dissídio deste ano transcorre na justiça. As contribuições podem ser enviadas para o e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. até o dia 31 de agosto.

No início de setembro, serão realizadas assembleias em São Paulo e Iperó para deliberar a pauta de reivindicações. Com isso, as negociações poderão ser abertas com uma significativa antecedência em relação à data-base de 1º de janeiro. Envie suas sugestões e participe desse importante processo.

Dissídio

O dissídio coletivo de greve segue aguardando julgamento no Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Todas as etapas que antecedem o julgamento foram concluídas nos prazos previstos, como a apresentação do parecer do Ministério Público do Trabalho, por exemplo. Entretanto, quando restava apenas o agendamento da sessão, a Justiça do Trabalho entrou em recesso. Enquanto o judiciário não se manifesta, sindicato e trabalhadores seguirão mobilizados na campanha salarial 2019.

É valido ressaltar que o TRT é um tribunal de segunda instância. Graças à greve, a primeira instância foi ultrapassada. Portanto, após o julgamento, restará apenas o Tribunal Superior do Trabalho (TST) como alternativa de recurso por parte do governo.

Mesmo com as dificuldades e incertezas, o dissídio representa uma esperança futura para todos os trabalhadores e trabalhadoras. Esperança essa que não existiria, caso a proposta de 0% de reajuste fosse aceita passivamente. O engajamento da campanha salarial 2018 deve seguir firme nas negociações deste ano. Converse com seus colegas, participe das ações, sindicalize-se e ajude o SINTPq nessa luta!

voltar ao topo