Menu

Profissionais da Amazul definem reivindicações para a campanha salarial 2019

Na última semana, assembleias em São Paulo e Iperó, nos dias 10 e 14, definiram as reivindicações dos funcionários para a campanha salarial 2019. Em função da decisão judicial, que garantiu a validade das cláusulas sociais por dois anos, a discussão para a pauta se concentrou nas questões econômicas. Dessa forma, os itens deliberados foram:

  • • Reajuste conforme IPCA + 3% de ganho real nos salários e benefícios;
  • • Pagamento do vale refeição na forma de ticket (cartão);
  • • Vale alimentação no valor de R$ 600,00;
  • • 13º no vale alimentação;
  • • Contribuição negocial de 4%, dividida em quatro parcelas de 1%, a contar após a aprovação do acordo coletivo e com possibilidade de recusa individual;
  • • Ultratividade do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), garantindo sua validade até que um novo seja assinado;

Outras demandas foram debatidas e serão discutidas na comissão de negociação permanente, formada entre sindicato e Amazul. Agora, a pauta de reivindicações será encaminhada à empresa para que as negociações tenham início.

Reunião com a Amazul sinaliza nova dinâmica nas relações

No dia 5 de setembro, uma reunião entre SINTPq e Amazul foi realizada em São Paulo. Representando o sindicato, estiveram presentes os diretores Alex Sander Zok, Rafael Barreto, Vanessa Cirilo e Cleber Cordovil, todos trabalhadores da Amazul, além dos dirigentes sindicais José Paulo Porsani, Régis Norberto e Márcio Martins. Da parte da empresa, participaram o presidente Almirante Zanella, o vice-almirante Luís Antônio Rodrigues Hecht, novo diretor de Gestão do Conhecimento e Pessoas, e o Sr. Sérgio Figueiredo.

O encontro teve como objetivo conhecer os novos dirigentes sindicais da Amazul, além de iniciar discussões sobre as relações e o ambiente de trabalho.

A situação do PAMSE foi tratada na reunião e uma nova conversa foi agendada para o dia 26 de setembro. O sindicato já solicitou à empresa uma série de informações sobre o plano para que seja feita uma melhor avaliação do cenário e de possíveis alternativas.

A reunião também estabeleceu uma comissão de negociação permanente, com a qual o debate sobre as condições de trabalho não estará mais limitado ao período das campanhas salariais. O vice-almirante Hecht se colocou à disposição para dialogar, o que favorece a construção de melhores relações de trabalho.

voltar ao topo