Menu

SIDI: Após meses de discussão, pagamento de diferenças sobre bônus é confirmado

Nesta segunda-feira, dia 24, SINTPq e SIDI realizaram reunião para discutir o pagamento das diferenças referentes ao bônus. A empresa informou que seu conselho administrativo concordou com o pagamento integral, com retroatividade de cinco anos.

Os representantes do SIDI preferiram não confirmar datas, mas esperam que o pagamento ocorra em julho. Serão contemplados todos os atuais funcionários e também os que deixaram a empresa nos últimos dois anos (a contar da data em que o pagamento for efetuado).

Sobre os valores pagos aos trabalhadores serão recolhidos os devidos encargos, como INSS e FGTS. Também será feita a correção inflacionária dos montantes, mas a empresa ainda não informou o índice a ser utilizado.

Esse pagamento só será possível graças à campanha salarial, que pautou o assunto e promoveu sua discussão junto à empresa. Dessa forma, é importante que cada trabalhador tenha consciência de que sua participação nas negociações coletivas, junto com o apoio ao sindicato, é de suma importância. Não faltam resultados concretos para comprovar essa máxima.

Entenda o caso

O SIDI paga no mês de março, por liberalidade, um bônus aos funcionários. Como esse valor não representa PLR (Participação nos Lucros e Resultados), configura-se natureza salarial. Portanto, os devidos encargos e seus reflexos devem ser recolhidos pela empresa, o que não ocorreu. O problema foi levantado pelos funcionários e encampado pelo sindicato, que tratou do assunto durante a última campanha salarial.

voltar ao topo