Menu

Novos conceitos na construção de um sindicalismo melhor

Projeto leva conceitos como coworking, economia solidária e crowdfunding para o sindicalismo

Na manhã de quarta-feira, dia 31, aconteceu a assembleia de fundação do IDET – Instituto Popular de Desenvolvimento em Educação, Trabalho e Tecnologia. O evento foi realizado no auditório do SINTPq, em Campinas, e reuniu diferentes entidades e autoridades. O instituto, composto por diferentes sindicatos da região de Campinas, nasce da ideia de aglutinar serviços e estruturas (salas disponíveis, auditórios e outros espaços) provenientes de sindicatos e pessoas dispostas a colaborar, reduzindo, dessa forma, custos operacionais e ampliando a capacidade de atuação dos sindicatos, que passarão a dispor de novos recursos provenientes das parcerias.

O projeto foi iniciado pelo SINTPq - Sindicato dos Trabalhadores em Pesquisa, Ciência e Tecnologia ainda em 2018, e desde então vem sendo discutido com outros sindicatos e movimentos sociais. Na assembleia de fundação, sete importantes sindicatos e movimentos sociais se associaram e indicaram representantes para o conselho deliberativo do instituto.

O IDET será uma associação de direito privado, sem fins lucrativos e econômicos, regido por um estatuto, um código de ética e pela legislação vigente. A atuação do instituto se dará da forma descrita abaixo. Os seguintes serviços já estão disponíveis por meio de parcerias: escritório de projetos, consultoria técnica, formação e capacitação, comunicação integrada e compartilhamento de infraestrutura.

O IDET já possui parceiros que oferecerão os seguintes serviços às entidades associadas:

Benefícios aos sindicalizados

Os profissionais sindicalizados pertencentes a base de representação do SINTPq e dos demais sindicatos associados ao IDET também serão beneficiados. Eles poderão compartilhar seus conhecimentos técnicos oferecendo serviços como cursos, treinamentos e consultorias. O instituto, por sua vez, fará a interlocução com as entidades associadas, divulgando os detalhes do serviço e o valor cobrado pelo profissional sindicalizado. Confira o exemplo abaixo.

Além de divulgar seu trabalho, os sindicalizados poderão participar gratuitamente das atividades que serão desenvolvidas pelo IDET, como cursos e palestras. O instituto também criará um banco de currículos no qual esses trabalhadores poderão se cadastrar.

O objetivo é, além de beneficiar as entidades participantes, levar novas vantagens para seus associados, buscando, inclusive, unificar os convênios e espaços disponibilizados aos sócios, como colônias de férias, apartamentos na praia, salões de festa, entre outros. Dessa forma, os sindicalizados não estariam mais limitados aos benefícios de seu próprio sindicato.

Mais informações sobre o IDET estão disponíveis pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

voltar ao topo