Menu

Coletivo em defesa do Butantã realiza plenária contra cortes no hospital da USP

  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

O Coletivo Butantã na Luta constituído por moradores da região há cerca de quatro meses vem desenvolvendo ações em defesa dos Direitos Sociais e da Democracia. Desde o debate sobre a PEC de Teto dos Gastos em dezembro de 2016, as mobilizações contra o projeto da Reforma Trabalhista, infelizmente aprovada no Senado, e contra a Reforma da Previdência.

Em nível local, o Coletivo participa na luta contra o corte de gastos nas políticas públicas que impactam nossa região como, por exemplo, contra o fechamento da Creche da USP, das UBS Paulo VI e São Jorge e pela não privatização de Parques Públicos.

O corte de recursos para as políticas públicas tem afetado negativamente aspectos fundamentais de nossa vida como a educação, transporte, segurança, entre outros. No Butantã as consequências na área de saúde estão se tornando dramáticas.

Por um lado a demanda por atendimento na saúde pública aumentou fortemente em decorrência de milhões de desempregados que deixaram de ter Planos de Saúde. Por outro lado, a redução dos recursos para a Saúde Pública está provocando o fechamento de equipamentos, a demissões de profissionais e a falta de insumos básicos para atendimento (seringas, agulhas, luvas, entre outros).

Em meio a esta situação se destaca a enorme redução dos atendimentos da população do Butantã no Hospital Universitário (HU). Fundamental para a nossa região o HU atende durante décadas cerca de 400 mil moradores da região.

Ao longo do último ano perdeu inúmeros profissionais, restringiu o pronto atendimento que deixou de funcionar após 19:00 horas. Reduziu fortemente o número de cirurgias, em especial o número de partos e há uma forte ameaça que o HU deixe de ser gerido pela Universidade com gravíssimas consequências sobre o seu importante papel que sempre cumpriu na formação de profissionais de saúde (médicos, farmacêuticos, enfermeiros, biomédicos, entre outros) e evidentemente sobre todo o atendimento em nossa região.

O Coletivo Butantã na Luta vai construir uma AMPLA CAMPANHA NA REGIÃO EM DEFESA DO HU.

O que será debatido e decidido na Plenária: Palestra Gerson Salvador – Médico do HU, Diretor Do Sindicato dos Médicos-SP e participante ativo do Grupo de Trabalho que fez um Diagnóstico da situação do Hospital Universitário;

É um debate preliminar da forma organizativa, de funcionamento e atendimento que deve ter o HU e que deveremos incorporar na CAMPANHA.

O caráter da CAMPANHA e ferramentas que deverão ser adotadas: Boletins, Matérias na Imprensa, Atos Públicos,

Abaixo-Assinado, Faixas, Adesivos de Carros, Debates em Igrejas e Escolas, entre outras.

Venha participar desta Plenária no dia 23/07 as 16:30 horas.

Edlayne
Coletivo Butantã na Luta!

COLETIVO BUTANTÃ NA LUTA
PLENÁRIA:
Em Defesa do Hospital Universitário (HU)
Domingo – 23/07/2017 – 16:30 horas
Centro Cultural Butantã (CCB)
Avenida Corifeu de Azevedo Marques, 1882

Leia mais ...

IPT responde reivindicações da campanha salarial

  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

Na tarde de ontem, dia 13 de julho, o IPT protocolou resposta às reivindicações das trabalhadoras e trabalhadores para campanha salarial 2017/2018. Confira a íntegra do documento no link.

O Sindicato recebe com frustração a contraproposta do IPT e convocará assembleia na próxima semana para apresentação e discussão das condições oferecidas. Após isso, as trabalhadoras e trabalhadores irão deliberar sobre a aprovação ou recusa da proposta.

Fique atento aos próximos comunicados e informações divulgadas via e-mail e no site do SINTPq.

 

Leia mais ...
Assinar este feed RSS