Menu

Campanhas salariais encerram 2017 com resultados positivos

A maioria das campanhas salariais com data-base em novembro foi encerrada nas últimas semanas. Em todas elas, ganhos reais nos salários e/ou benefícios foram conquistados. Para 2018, estão previstas assembleias e reuniões negociais durante o início de janeiro, no Instituto de Pesquisas Eldorado, na Oxitec e no Centro de Tecnologia Canavieira (CTC).

Nas empresas Syntech, SIDI, NXP, CPqD, Daitan e FITec, as remunerações tiveram reajustes acima da inflação do período (2,7%), variando entre 0,3 e 1% de aumento real.

Na FACTI, os salários foram corrigidas pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) e o auxílio refeição obteve 3% de ganho real. A licença paternidade da empresa também foi melhorada, passando de cinco para 10 dias úteis.

Outros avanços nas relações de trabalho foram garantidos em diferentes empresas. Na NXP, por exemplo, um novo benefício foi implementado, o auxílio creche. O adicional terá o valor de R$ 250,00 mensais e será pago para homens e mulheres durante 24 meses, até a criança completar 30 meses de vida.

Uma reivindicação antiga dos profissionais da Daitan também foi alcançada neste ano. A partir de abril de 2018, o valor do auxílio refeição e alimentação poderá ser dividido conforme a preferência de cada funcionário. Além disso, o desconto dos mesmos para cada empregado passará de 10% para 5%.

No CPqD, o novo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) garantiu a liberação de 64 horas referentes aos dias ponte do próximo ano. Dessa forma, os funcionários e funcionárias poderão usufruir os feriados prolongados com seus familiares sem a necessidade de compensar essas horas.

Trabalho conjunto
Todos os avanços alcançados são fruto do diálogo com os trabalhadores, por meio das assembleias de formação de pauta, e dos processos negociais, que exigem muitas reuniões e argumentação.

Cada conquista, antiga ou recente, é resultado desse trabalho. Quando os trabalhadores fortalecem a representatividade do SINTPq, via sindicalização e participação ativa nas campanhas salariais, os resultados obtidos são sempre melhores.

voltar ao topo