Menu

Amazul: Julgamento do dissídio é agendado para 29/08

  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) agendou o julgamento do dissídio coletivo de greve da Amazônia Azul Tecnologias de Defesa SA - Amazul. A audiência acontece no dia 29 de agosto, às 15h30, no TRT da Rua da Consolação, 1272 - Higienópolis, São Paulo - SP

O SINTPq e seu jurídico estarão presentes para acompanhar a decisão do colegiado. A diretoria do sindicato espera que os desembargadores considerem todas as dificuldades enfrentadas pelos profissionais da Amazul e façam um julgamento justo, garantindo o respeito à dignidade e aos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras.

O julgamento acontece em decorrência da greve realizada pelos trabalhadores em março deste ano. O movimento foi motivado pela proposta de 0% de reajuste salarial apresentada pelo Governo Federal.

Os funcionários que desejarem acompanhar o julgamento poderão comparecer no TRT. O plenário está localizado no 20º andar. O momento é de decisão e os trabalhadores devem seguir mobilizados. Converse com seus colegas e acompanhe os próximos comunicados.

Campanha salarial 2019 já está em andamento

Conforme informado no último comunicado, o período para envio de sugestões para a campanha salarial 2019 segue aberto até 31/08. Os funcionários e funcionários podem enviar suas contribuições para o e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo..

No início de setembro, assembleias serão agendadas em São Paulo e Iperó para que a pauta de reivindicações seja discutida e deliberada.

Manifeste suas opiniões e participe desse importante processo.

Sobre a Amazul

A Amazônia Azul Tecnologias de Defesa S.A. – Amazul foi constituída em 2013 com o objetivo de promover, desenvolver, transferir e manter tecnologias sensíveis às atividades do Programa Nuclear da Marinha (PNM), do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub) e do Programa Nuclear Brasileiro (PNB). Seu objetivo primordial é apoiar o desenvolvimento do submarino de propulsão nuclear, além de contribuir com pesquisas em radiofármacos. Hoje, a empresa conta com aproximadamente 1.800 funcionários.

Leia mais ...

CNPEM: Negociação tem início e nova reunião é marcada

  • Escrito por
  • Seja o primeiro a comentar!

SINTPq e CNPEM realizaram ontem, dia 16 de agosto, a primeira reunião negocial da campanha salarial 2018/19. A conversa foi preliminar e debateu questões como a situação atual da empresa e cláusulas do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

A direção do Centro ainda não apresentou sua contraproposta oficial e uma nova reunião foi agendada para segunda-feira, dia 20, a partir das 14h.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS