Menu

CPQD: Assembleia no dia 17/03 avalia termo aditivo ao Acordo Coletivo

Na tarde de ontem, dia 5, SINTPq e CPQD finalizaram as negociações sobre o termo aditivo ao Acordo Coletivo de Trabalho. O documento engloba Banco de Horas, horário flexível, jornada de trabalho e marcação de ponto por exceção. Com o término da rodada negocial, os funcionários avaliarão a proposta de termo aditivo em assembleia no dia 17 de março, às 8h15, na portaria principal do Polis.

Confira a seguir um resumo dos itens contemplados no aditivo, que passarão a vigorar a partir de 23 de abril.

Banco de Horas

  • • Prazo de 1 ano para quitação/pagamento
  • • Limite de 10 horas diárias
  • • Limite total de 40 horas acumuladas
  • • Relação de 1h p/ 1h
  • • Sábados, domingos, feriados e trabalho noturno (entre 22h e 5h) não entram no Banco de Horas
  • • O lançamento das horas dependerá de prévia aprovação do gestor
  • • Quitação de horas a débito ou a crédito ao término do projeto ou realocação integral do empregado para outro projeto
  • • O sindicato acompanhará o Banco de Horas trimestralmente, mediante relatórios não individualizados

Horário flexível e jornada de trabalho

  • • Jornada de 8h diárias com 1h de almoço
  • • Horário núcleo de segunda à sexta-feira das 9h às 16h
  • • Sistema eletrônico para marcação de ponto por exceção à jornada regular, sendo anotados apenas os eventos excepcionais (horas extras autorizadas, faltas justificadas ou não, atestados médicos, entre outros)
  • • As marcações no ponto ficarão disponíveis ao empregado pelo período de 6 meses
  • • A marcação eletrônica do mês de trabalho do empregado ocorrerá entre o dia 23 de cada mês e o dia 24 do mês subsequente

Os tópicos do termo aditivo terão impacto direto no cotidiano de todos os profissionais do CPQD. Portanto, a presença de todos na assembleia de 17 de março é fundamental. Nela, os trabalhadores e as trabalhadoras poderão expressar suas opiniões e seu voto.

Graças a representação coletiva, promovida pelo SINTPq, esses importantes itens puderam ser negociados e serão avaliados democraticamente pelos empregados. Aproveite essa abertura, inexistente em empresas sem representação, e exerça seu direito participando da assembleia.

SINTPq solicita abertura de negociação sobre o plano médico

Considerando a melhora na situação financeira do CPQD e o controle da sinistralidade até aqui, o SINTPq solicitou novas negociações para a assistência médica. Com isso, uma reunião com a empresa foi agendada para 19 de março. Esse tema também será abordado na assembleia do dia 17.

O objetivo do sindicato é obter melhores condições para os empregados, principalmente no tocante à coparticipação. Por meio da argumentação e diálogo, o SINTPq buscará avanços nesse benefício tão importante para todos os profissionais e suas famílias. Fique atento aos próximos comunicados do sindicato e acompanhe os desdobramentos da negociação.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO

Pelo presente edital, o SINTPq – Sindicato dos Trabalhadores em Atividades (Diretas e Indiretas) de Pesquisa e Desenvolvimento em Ciência e Tecnologia de Campinas e Região, convoca todos os trabalhadores do CPQD a participarem da Assembleia Geral Extraordinária, a ser realizada em 17 de março, às 8h15, na portaria principal do Polis, para deliberar a seguinte ordem do dia:

1) Deliberação da contraproposta da empresa para assinatura do termo aditivo ao Acordo Coletivo de Trabalho 2019/2020;
2) Campanha de Sindicalização;
3) Outros assuntos.

Fica estabelecido que não havendo quórum, a Assembleia será realizada, em segunda convocação 15 minutos após, com qualquer número de presentes.

José Paulo Porsani
Presidente SINTPq

voltar ao topo