Confira a contraproposta da Amazul para a negociação coletiva

19/10/2021

Em reunião negocial nesta terça-feira, dia 19, a Amazul apresentou sua contraproposta para a resolução da campanha salarial 2021 e também para os dissídios de 2020 e 2019. O diretor do SINTPq, Agnaldo Justino, explica os principais pontos da contraproposta no vídeo a seguir. O reajuste mencionado não teria retroatividade e o abono seria pago em fevereiro/22 com base no salário de janeiro/22. Mais detalhes serão disponibilizados nos próximos comunicados.