SINTPq participa de ato em defesa da democracia

Carta em defesa da democracia reuniu milhares de assinaturas e foi lida em diversos atos pelo país

11/08/2022

Teatro de Arena da Unicamp recebeu centenas de apoiadores do movimento em defesa da democracia (FOTO: Fernando Almeida/SINTPq)

Na manhã desta quinta-feira, 11 de agosto, o SINTPq esteve presente no ato Unicamp pela Democracia. O sindicato foi representado por seu presidente, José Paulo Porsani. A atividade promoveu a leitura pública da Carta às Brasileiras e aos Brasileiros em defesa do Estado Democrático de Direito, que reuniu mais de 910 mil assinaturas. Estiveram presentes representantes da universidade, de entidades civis, sindicatos e a comunidade acadêmica.

Em São Paulo, a manifestação foi realizada na Universidade de Direito do Largo São Francisco (USP), onde uma multidão se reuniu junto a centrais sindicais, movimentos sociais e diversos setores da sociedade. Do lado de fora da universidade, o público levou cartazes e usou palavras de protesto contra o atual governo e a favor da democracia.

Multidão se reuniu na Universidade de Direito do Largo São Francisco - USP (FOTO: ROBERTO PARIZOTTI)

Outros grandes atos foram realizados em cidades por todo o país, como Rio de Janeiro, Brasília e Recife. O manifesto, lido em diversos locais, foi organizado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) após os ataques do presidente Jair Bolsonaro (PL) ao sistema eleitoral. A data escolhida relembra a leitura do manifesto contra a ditadura militar, em agosto de 1977.

O presidente do SINTPq, José Paulo Porsani, ressalta a importância da luta histórica dos brasileiros e brasileiras pela democracia: “É um valor inestimável para a sociedade brasileira e precisamos nos defender dos ataques que estamos sofrendo na atual conjuntura do país. Precisamos defender a democracia e o povo é quem deve decidir os destinos da nação”.